9 de março de 2017

Da vida

Ensinam-nos desde cedo a ser livres, a sermos nós mesmo, sinceros. Depois, à medida que vamos crescendo, deparamos-nos cada vez mais com o politicamente correto. Chegados à vida adulta, há momentos em que praticamente desaparece aquela genuinidade tão importante, que nos fora incutida. Temos que começar a engolir cada vez mais sapos, a sorrir e trocar umas palavras simpáticas com quem não temos nenhuma empatia. É como manda a educação, dizem. Contrapondo com toda a educação que tivemos baseada na sinceridade e genuinidade. Diz sempre a verdade, não sejas falso. Mas depois há sem os o calado vence tudo, sê educado, fala sempre bem para toda a gente. E se a pessoa for um ser desprezável?!
A margem entre a boa educação e um quê de falsidade é muito fina. Às vezes misturam-se, Não gosto disso. Não gosto de ter que sorrir para toda a gente porque manda a boa educação. É mesmo preciso? Temos mesmo que nos "rebaixar" sob pessoas que não suportamos e que não nos suportam? É por isso que o melhor do mundo são as crianças. São sinceras e genuínas. Não gostam, dizem. Adoram, gritam até todo o mundo e um pouco mais além saber disso. Devíamos ser mais assim também. Dizer que gostamos. Admitir sentimentos, Contra mim falo, que sou muitas vezes um muro de pedra, fria e escura que esconde um lugar colorido, quente e afectuoso que nunca sei expressar.

Alguém pode parar com o politicamente correto de "mentir"?
Alguém me ensina a saber sentir?


Marisa

2 comentários:

  1. Concordo com tudo o que disseste, o melhor mesmo é seres tu mesma e não dares ouvidos aos outros.

    beijinhos
    http://eyeelement.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  2. Concordo com o teu texto ;) Só temos de ser nós próprios e não precisamos de falar com as pessoas que nos rebaixam nem sequer cumprimenta - lás e isso não é falta de educação não podemos ser bonzinhos com as pessoas que nos tratam mal
    Obrigada pelo comentário já sigo o blog
    http://retromaggie.blogspot.pt/
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar