13 de agosto de 2016

Os meus pais não mereciam isto!

É agora, que a minha irmã começou a ver os Morangos com Açúcar que estão a dar repetidos no Panda Bigs, que eu dou valor ao que os meus pais sofreram comigo a ver Morangos todos os dias. Eu vi Morangos todos os dias durante quase 10 anos, e durante quase 10 anos eu falava naquilo e à hora de Morangos, não se podia ver mais nada... Assim está a minha Princesa, que aos 6 anos descobriu a terceira série de verão dos Morangos e ficou viciada naquilo. Eu adorava os Morangos, eu vi desde o primeiro ao último episódio, eu lembro-me dos nomes de muitos dos personagens, principalmente até à terceira série. Aquilo era a loucura, o melhor do mundo, e tudo e tudo. Agora, ao rever, graças à Princesa, o que eu via há 10 anos atrás, - lembro-me bem que a série 3 era de 2006 porque foi da minha fase mais morangomaníaca e dzrtomaníaca - é como se me espetassem uma faca no coração. A faca é nada mais nada menos do que a noção de que, pelo menos agora, aquilo já não é assim tão bom, eles não eram assim tão bons actores, a história era sempre a mesma coisa uma e outra vez - isto eu já tinha percebido, mas vem salientar mais.

Enfim, perdeu a magia que tinha quando era apenas uma pré-adolescente com 12/13 anos. Há o "não voltes aos lugares onde foste feliz", e agora eu crio o "não voltes às séries infato-juvenis que te fizeram feliz".


Marisa

Sem comentários:

Enviar um comentário