20 de maio de 2016

Dá para repartir as temperaturas?

Dá para repartir as temperaturas? Não?! Mas devia!

Fui a Lisboa esta tarde. Arrisco-me a dizer que estava uns 30º no mínimo. Não senti um ninquinho de vento que fosse. Sentia-me num daqueles dias de calor sufocante em pleno verão. Ter ficado sem a minha água também ajudou para tal. Quando cheguei a casa estava 16º, vento e um nevoeiro cerrado que me fez começar a chamar pelo Sebastião. E chamei mesmo, isto não é um exagero figurado, é mesmo uma estupidez minha de começar a chamar o Sebastião quando está muito nevoeiro.

Agora pergunto-me, com tantos modos de intercâmbios e coisas do género, não dá para eu mandar um bocadinho do meu tempo frio, ventoso e nublado para refrescar Lisboa, e os alfacinhas mandarem um bocado do seu calor exorbitante para a minha santa terrinha?! Ficava muito mais equilibrado e todos ganhávamos.

Marisa

1 comentário:

  1. Ou mesmo para repartir entre dias!
    Um dia de calorão e depois vem logo outro de frio e chuva!
    Não se aguenta!

    nem mais nem menos | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar