14 de maio de 2016

Conta-te poesia

Livro aberto
Quarto fechado
mundo conecto
ser desconectado

da janela para o mundo
entra apenas um fio de luz,
a suficiente
para não cegar
tão estranha mente

dorme rodeado de gente
acorda só
sente-se demente

levanta-se,
sacode o pó
na garganta permanece o nó
de não conseguir falar
de sentir sem exteriorizar

Marisa

1 comentário:

  1. Fantástico!

    r: Recomendo, é um filme que, na minha opinião, vale a pena :)

    ResponderEliminar