24 de fevereiro de 2016

Eu e o Sr. Freud

São muitos os dias em que acordo a pensar "ah se o Freud fosse vivo ia procurá-lo para perguntar porque é que sonhei com isto". Para além disso, haveria muito mais para perguntar a alguém como o Freud...

Há uns tempos vi nessa pérola que é o blog Nude Life um giveaway em parecia com o blog Eça é que é essa em que oferecia o livro "Eu e o Sr. Freud", escrito por Isabel Duarte Soares, autora do blog Eça é que essa. O livro chamou-me a atenção logo pelo nome, e quando e li o resumo percebi que teria que ler aquele...


"Eu e o Sr. Freud é uma coleção de cartas com remetentes diferentes, para o mesmo destinatário, Dr. Freud. Estas cartas são, na verdade, como sessões de análise, em que a personalidade que assina é quem está no divã. Os temas são universais, expostos por várias vozes, em diferentes tons, tantos quantas as emoções das pessoas que moram na nossa cabeça, a quem Fernando Pessoa chamava heterónimos. Neste consultório de Dr. Freud, chamamos-lhes, modestamente, deuses e deusas, entre outras coisas…"

Decidi, mais uma, tentar a minha sorte. Tinha que dizer o que perguntaria ao Freud... não pensei muito na resposta, confesso, porque era algo que, de certa forma, pensava e penso algumas vezes, como disse no início do posto. Perguntaria a Freud o porquê dos meus sonhos sem sentido mas cheios de sentimentos. Nunca tenho sorte nestas coisas por isso não me preocupei muito com a data final do giveaway ou o dia em que iam anunciar o vencedor. Na passada terça-feira, dia 16, recebi um e-mail da Francisca do Nude Life a dizer que tinha ganho o livro. Fiquei super contente. Na sexta a Isa do Eça é que essa informou-me que já tinha enviado o livro. Chegou ontem. Já tenho o meu Eu e o Sr. Freud.

Ainda não o comecei a ler. Talvez hoje. Talvez amanhã. Ontem acabei o Morte em Viena de Daniel Silva e ainda estou a recuperar das emoções e do facto de me ter separar dele e dos outros dois do autor. Quase que Prima vou roubar-tos. Vamos ser francas, tu tens muito trabalho, tens que aturar o R e os cães todos os dias, a mim às vezes... não tens tempo para cuidar destes livros e eu posso dar-lhes amor e carinho =) Brincadeira. Eu vou devolve-los.

Acabando com a dispersão... Estou muito curiosa por ler o livro, de certeza que vou gostar. E fica aqui o meu "agradecimento público" à Francisca e à Isabel pelo livro.




Marisa

4 comentários:

  1. Que bom que gostaste :D
    Vou entender o adjectivo "pérola" como um elogio ahah xD

    ResponderEliminar
  2. O livro parece ser super interessante! :)

    Novo blogue: http://asecretplace-lily.blogspot.pt/

    ResponderEliminar