28 de setembro de 2015

À minha maneira

Desde que comecei a apreciar música a sério, quando era bem pequena e os meus colegas ainda ouviam o avô cantigas, que eles são a minha banda preferida. Ouvia-os com o meu pai e com os meus primos. Quando me lembro das nossas viagens de carro para os nossos jantares de domingo na pizzaria, percebo que os meus pais e os meus tios deviam ter vontade de nós mandar porta fora com o carro em andamento... A mim e ao M, o primo mais novo, que íamos a viagem toda , tanto a de ida como a de regresso, a cantar as suas músicas.

Se sempre houve uma banda que quis ver ao vivo, eram eles, a melhor banda de rock portuguesa... Os meus Xutos & Pontapés.

Há 17 anos eles estiveram numa festa que acontece de 17 em 17 anos na minha freguesia... No sábado, 17 anos depois, voltaram e eu estive lá! Estive ali com boa parte da minha família a cantar a saltar, a aplaudir a gritar, a escassos metros do palco onde estava o Tim, o Zé Pedro, o Zé Cabeleira, o Gui e o Kalu a cantar e tocar aquelas músicas de sempre e as mais recentes. O recinto estava cheio, a comissão de festas nunca pensou em tanta aderência, mas a mim não me surpreendeu nada. Deu para sentir pelas palavras do Tim e do Zé Pedro que eles estavam felizes e gratos por os termos voltado a convidar para a esta festa 17 anos depois e nós todos queremos voltar a vê-los cá daqui a 17 anos. E não me venham dizer que eles já não actuam nessa altura, que eles mesmo disseram que adorariam voltar na próxima festa... e eu digo que se os Stones ainda dão concertos, porque é que os Xutos não irão dar daqui a 17 anos?! Claro que dão! E se não derem, não importa, eles vieram este ano e arrasaram...

Quase 37 anos depois do primeiro concerto (que por acaso o dia e o mês coincidem com os da minha princesa) continuam em alta e a mover multidões. E foi uma emoção vê-los ao vivo, pela primeira vez segunda a minha mãe que diz que há 17 anos eu não fui ao concerto ou pela segunda vez segundo o meu pai que diz que eu há 17 anos fui ao concerto... seja como for foi a primeira vez que me lembro, que da última festa, aos 5 anos, as minhas memórias são praticamente inexistentes.

E que melhor companhia podia eu ter tido do que as primas M e J, a mais velha do meio e a mais velha mais nova, as três todas doidonas que não parámos durante quase duas horas de concerto, onde fomos presenteadas com esses temas históricos como o Não sou o único, o À minha maneira, o Circo de Feras, a Chuva dissolvente, a eterna Casinha, a Maria, os Contentores, o Dia de são receber, a minha preferida Homem do leme (faltou-me o primo mais novo especialmente nesta e o primo mais velho também lá deveria ter estado em todas) e tantas outras...

Aos Xutos & Pontapés resta-me deixar novamente o meu grande obrigada e até daqui a 17 anos no mesmo sítio =)



Marisa Maria





Sem comentários:

Enviar um comentário